Sexta-Feira, 14 de Dezembro de 2018
A tendência de acordos acima da inflação em 2018

De acordo com informações do Dieese, em 2017 os acordos com ganhos acima do INPC (Indice Nacional de Preços ao Consumidor) superaram 62%, contra apenas 18,6% em 2016.

O que explica a maioria dos acordos com reposição da inflação ou pequeno aumento real (em média 0,37%)  no setor privado num cenário em que a maioria dos setores não teve crescimento, foi em primeiro lugar a luta dos sindicatos contra a Reforma Trabalhista e para que o padrão dos acordos anteriores fossem mantidos. Outra explicação é que a Inflação em queda diminuiu a porcentagem necessária para ganho real e as demissões podem ter levado a pequeno aumento nos salários naqueles setores que mais demitiram.   

Para 2018, segundo o sistema mediador do MTPS (Ministério do Trabalho e Previdência Social), essa tendência permanece, com a maioria dos acordos de reajuste salarial acima da inflação da data-base.

Em Diadema, vamos à luta conquistar o reajuste e os direitos!


Imprimir   Enviar para um amigo

Comentários

*Nome:
*Email:

*Comentário:

Seja o primeiro a comentar!

Vídeos
Estação
Click
X