Quarta-Feira, 19 de Junho de 2019
Servidores/as Municipais de Diadema aprovaram a Adesão a Greve Geral

A reforma da previdência de Bolsonaro – PEC 06 - destrói o direito à aposentadoria de milhões de trabalhadores, livra os empresários de bilhões de sonegação e entrega as aposentadorias para os lucros dos banqueiros.

A proposta de Bolsonaro quer estabelecer a idade mínima de 65 anos para homens e 62 anos para as mulheres e, tempo mínimo de contribuição de 25 anos, cinco anos a mais do que os trabalhadores da iniciativa privada, para que os servidores tenham acesso a 60% do salário benefício de aposentadoria. Para receber integralmente, o valor será acrescido de 2% por ano trabalhado após 20 anos de contribuição para chegar ao valor integral. Portanto, terá que chegar a 40 anos de contribuição. No caso dos professores e das professoras, a aposentadoria será somente aos 60 anos.

A Reforma também prevê redução salarial via aumento das alíquotas, pois no máximo em seis meses a contribuição passará de 11% para 14%.   A redução salarial que virá para os/as servidores/as não para por aí, pois prevê a criação de contribuições extraordinárias que podem chegar até 22% para cobrir déficits nos institutos próprios, no nosso caso do IPRED. Essa reforma mostra com clareza: o governo Bolsonaro é  inimigos dos/as servidores/as públicos/as!

Em 15 de maio, a Greve Nacional da Educação que paralisou e levou as ruas mais de 1,5 milhão de trabalhadores/as e estudantes/as em todos os cantos do país contra a Reforma da Previdência e Contra os Cortes de Recursos da Educação, já demonstrou a disposição de luta da classe trabalhadora para impedir a aprovação desta Reforma.

No dia 30 de maio, novamente estudantes e trabalhadores/as somaram forças e voltaram às ruas em defesa da educação e do direito a aposentadoria.

A hora é agora! Dia 14 de junho vamos fazer a maior GREVE GERAL que este país já viu e derrotar a Reforma da Previdência!  Vamos à Luta!

GREVE GERAL - Dia 14 de Junho - Contra a Reforma da Previdência!

Concentração às 08 horas no Sindicato dos Funcionários Públicos de Diadema.


Imprimir   Enviar para um amigo

Comentários

*Nome:
*Email:

*Comentário:

Seja o primeiro a comentar!

Vídeos
Estação
Click
X